Deputado diz que Manaus Ambiental engana população com serviços de esgoto que não existem


O deputado Mario Bastos disse que pretende questionar publicamente a Manaus Ambiental pelo serviço de esgoto que a empresa afirma prestar, prometendo até que os clientes que aderirem ao sistema de esgotamento sanitário estão temporariamente isentos de pagar pela verificação e obra de interligação das residências à rede de esgoto.

O parlamentar contou que foi enviado do seu gabinete, ha exatamente um mês e três dias, para empresa Manaus ambiental um requerimento onde ele solicita melhores informações sobre esse serviço fornecido a cidade e ate o presente momento não houve nenhum retorno por parte da empresa.O parlamentar foi até a estação de esgoto e confirmou o total abandono e não funcionamento do local, que tem servido de criadouro para o mosquito Aedes aegypti e de refúgio à marginalidade.

“A situação é bem diferente do que a empresa Manaus Ambiental vem divulgando, por meio de suas propagandas institucionais. Na área, os moradores reclamaram da poluição do igarapé, já que o esgoto de suas casas está indo diretamente para as águas, sem qualquer tratamento”, informou o deputado.

“Mas o serviço de reforma e melhorias nas estações não seria da gestora do serviço de abastecimento de água e tratamento de esgoto, que é a Manaus Ambiental?”, questionou o deputado. “Não podemos tratar o saneamento dessa forma.

Gostaria muito de saber onde estão essas 60 redes coletoras de tratamento de esgoto e elevatórias? No meu ver isso é enganação com a população. Manaus está entre as 20 piores do Brasil nessa área, porque esse serviço, que é um direito básico do cidadão, não é prioridade da Manaus Ambiental”, criticou.