Em acordos políticos, o radar captou que está valendo até mesmo negociar unidade habitacional do Prosamin


prosamim-melo

Fontes do Radar nos confidenciaram que na sanha desatada em busca de apoio político feitas pelo , a partir desta sexta-feira (04) governador do Estado, e pré-candidato à reeleição, José Melo (PROS) está valendo negociar com vereadores do interior do Estado até mesmo unidades habitacionais do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamin). Por conta desse tipo de negociação em ano eleitoral, o Estado pode se ver irremediavelmente prejudicado num outro tipo de negociação que deveria estar acima de interesses políticos, a que é feita com Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que opera com extremo rigor na fiscalização de suas obras e na destinação dado aos investimentos públicos. Ou seja, milhares de amazonenses podem ficar sem moradia digna caso esse tipo de atitude venha atrapalhar futuras negociações com o banco. Até porque já se sabe de outras situações nada edificantes de finalidades dadas a unidades habitacionais do Prosamin, como por exemplo, servir de “presentinho” dado a colunistas sociais da cidade pela presidente do Fundo de Promoção Social do Estado, primeira-dama Nejmi Aziz, cotada para ser vice de Melo. (Any Margareth)