2020: um ano para se pensar muito!

Se há uma coisa que aprendi a fazer com o passar dos anos foi pensar mais antes de agir. Como diria minha saudosa e sábia mãe, prudência e caldo de galinha num faz mal pra ninguém! Digo isso porque para desgosto dos que fazem apologia às ditaduras, estamos numa Democracia, e 2020 é ano eleitoral. Então, pense, pelo amor de Deus!

Pense, antes de acreditar em Fake News absurdas e consiga enxergar que quem coloca esse tipo de “notícia” nas redes sociais está na verdade chamando o povo de idiota útil que pode ser manipulado por mentiras.

Antes de idolatrar um político, pense e avalie seus atos e sua história. Já fez projetos relevantes? Já mostrou ser bom administrador? Já trabalhou pelos mais pobres? Já usou o dinheiro público para boas finalidades?

Pense mais no benefício para a população como um todo e menos só em você. Afinal, não é você que bate no peito e se diz cristão e cumpridor dos mandamentos de Deus. E o maior dos mandamentos não é “’Ame o Senhor, o teu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento. E ame seu próximo como a ti mesmo”.

Pense antes de destilar ódio contra alguém só pela diferença da cor da pele, do lugar onde nasceu, do sexo, do gênero…Pense mais naquilo que nos une e não naquilo que nos separa. Pense que todos somos de um mesmo lugar, da terra, e de um mesmo gênero, o humano.

Pense e decida, abraçar mais, amar mais, viver mais, doar mais, ser mais feliz e fazer do ano de 2020 o primeiro dos melhores anos das nossas vidas.