2º Encontro de Aquicultura da Amazônia Ocidental começa nesta segunda

Com o tema “Amazônia de portas abertas para o mundo”, começa nessa segunda-feira (5), o “II Encontro de Aquicultura da Amazônia Ocidental” em Manaus. A abertura oficial ocorrerá, às 18h30, no Auditório Vânia Pimentel, na Universidade Nilton Lins, bairro Flores, zona Centro-Sul. Palestras e minicursos fazem parte da programação, que pode ser acessada no http://aquiculturanaamazonia.com.br/.

O encontro reunirá participantes das diferentes regiões do país e de outras partes do mundo. Ele é promovido pela Universidade Nilton Lins (UNL), em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTIC) e a Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

O evento é fruto da união dos Programas de Pós-Graduação (PPGs) em Aquicultura (Aqui/UNL/Inpa), Ciências Pesqueiras nos Trópicos (CIPET/Ufam) e Ciência Animal (CAN/Ufam), que esperam dar visibilidade e melhoria às pesquisas científicas realizadas na Amazônia, propondo o compartilhamento de conhecimentos, por meio de palestrantes vindo de países como Espanha, Estados Unidos, Portugal e Peru.

Minicursos

Durante o evento serão realizados sete minicursos com palestrantes convidados e outros com pesquisadores do Inpa e da UNL. Um dos minicurso, intitulado “Produtos de pescado a partir de carne mecanicamente separada”, será ministrado pelo pesquisador do Inpa Nilson Carvalho que falará sobre a importância da qualidade da carne para a indústria de alimentos, processos de conservação do pescado, o uso de gelo na conservação, e produtos como fishburguer, bife e picles de peixe, entre outros tópicos.

Conforme a coordenação, os participantes podem esperar dos minicursos uma oportunidade para se capacitar em diferentes temas sobre a aquicultura.

Além da tecnologia de pescado, outros temas serão abordados, tais como Enfermidades bacterianas em peixes amazônicos: da caracterização das doenças aos métodos de diagnóstico (Henrique Figueiredo – UGMG e Guilherme Campos – UNL), com a participação de docentes da UNL; Redação Científica, dr. Gilson Volpato; Aquicultura sustentável (Dr. Aires Oliva Teles, Portugal); Reprodução de Peixes (Dr. Neil Duncan – Espanha e Dr. Sergio Ricardo Batlouni, Unesp/CAUNESP); Larvicultura intensiva do pirarucu (Dr. Luis Conceição, Portugal e Ligia Uribe Gonçalves – Inpa); Cronobiología: aspectos aplicado a la producción de peces (Dr. Francisco Javier S. Vázquez – Espanha)”.

Palestras e apresentações de trabalhos fazem parte da programação, que ao final serão premiados nas categorias Estudantes de Curso Técnico ou Graduação (pôster), Estudantes de Pós-Graduação ou Profissionais da Área (pôster), Estudantes de Curso Técnico ou Graduação (oral) e Estudantes de Pós-Graduação ou Profissionais da Área (oral).

Durante a programação, os participantes terão ainda um dia reservado a uma city tour pela cidade de Manaus, visita ao Bosque da Ciência e outras atrações.