3B e Iranduba empatam em 2 a 2 no primeiro jogo da final do Amazonense Feminino de Futebol

Na primeira partida da final do Campeonato Amazonense de Futebol Feminino, 3B da Amazônia e Iranduba empataram em 2 a 2. O jogo ocorreu no sábado (04/11), no estádio Ismael Benigno, a Colina, zona oeste de Manaus, e contou com apoio do Governo do Estado, via Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel). Os times voltam a se enfrentar no próximo sábado (11/11), às 17h30, desta vez, na Arena da Amazônia.

O time do Iranduba, por ter feito a melhor campanha na primeira fase se beneficiou do resultado, e agora o 3B precisa de uma vitória para ganhar o campeonato. Se houver outro empate, o Hulk conquistará o heptacampeonato.

No primeiro tempo, o time do Iranduba foi muito ofensivo e quase não possibilitou o contra-ataque do adversário. E, com 20 minutos de partida, a jogadora Moara Coutinho fez o primeiro gol para o Hulk.

No segundo tempo, o 3B fez mudanças táticas, com isso possibilitou um equilíbrio na partida. Aos 25 minutos, a jogadora Bianca, do 3B, fez um golaço de falta. Porém, logo em seguida a jogadora Mariana colocou o Hulk na frente novamente. Faltando 15 minutos para acabar a partida, Maria Eduarda, do 3B, deixou tudo igual.

Ao final do jogo, o técnico do 3B, Marcello Frigério elogiou o desempenho das duas equipes. “A partida foi digna de uma final de campeonato, dois times fortes, dois times com jogadoras da Seleção Brasileira. Foi um espetáculo lindo para os Amazonenses, agora é analisar os erros e corrigi-los para a última partida”, disse.

Já o treinador do Iranduba declarou que o resultado da semana que vem será decidido nos detalhes. “Foi um jogo muito disputado, as duas equipes investiram bastante no corpo técnico e em atletas, logo as duas mereciam estar na final. Vamos focar nos detalhes deste jogo e esperar o próximo que será diferente, jogo não se repete”, disse Adilson Galdino.