A 6 dias de julgamento, Lula diz estar com a ‘tranquilidade dos justos’

A seis dias de seu julgamento no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), marcado para 24 de janeiro em Porto Alegre, o ex-presidente Lula disse nessa quinta-feira (18), durante encontro com artistas e intelectuais na Casa de Portugal, em São Paulo, que está “com a tranquilidade dos justos, dos inocentes”.

“Confesso a vocês que duvido que juízes que já me julgaram (referência a Sérgio Moro) e que vão me julgar (aos três desembargadores do TRF-4) estejam neste momento com a tranquilidade que eu estou”, afirmou, segundo o jornal Folha de S. Paulo. “Não posso ser condenado por um crime que não cometi”, prosseguiu.

O petista disse também que viajará o Brasil caso seja condenado porque está “disposto a enfrentá-los”.

Fonte: Notícias ao Minuto