Agendamentos para concertos e festivais do Teatro Amazonas em outubro já estão disponíveis

É necessária a apresentação da carteira de vacinação contra Covid-19 na entrada

Foto: Michael Dantas

Estreia de musical dos alunos do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro, lançamento de projeto audiovisual, concerto da Filarmônica, programação dos festivais de circo, teatro e break estão na agenda do Teatro Amazonas nessa primeira quinzena de outubro. E a população que tiver interesse em assistir aos eventos gratuitos já pode realizar o agendamento através do Portal da Cultura (cultura.am.gov.br) ou pelo site do Teatro Amazonas (teatroamazonas.com.br). Vale lembrar que, para assistir aos espetáculos, é obrigatória a apresentação da carteira de vacinação contra Covid-19.

O agendamento está disponível desde às 15h desta segunda-feira (04).

Confira a programação:

Dia 6, quarta-feira, às 17h e 20h

Abrindo a programação do Dia das Crianças, os alunos do curso de Teatro Musical do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro apresentam “Loft”. No musical, Ana, Noah e Guilherme estão em busca de resposta para seus sonhos e descobrem um livro de histórias musicais, que ganha vida. Eles acreditam que o livro é uma mensagem deixada pelos seus pais que partiram para um lugar distante. Preocupados com o irmão mais velho, Ana e Noah tentam ajudá-lo a recuperar a esperança. Classificação indicativa: livre.

Dia 7, quinta, às 20h

No encerramento do 1° Festival de Circo do Amazonas, a Cacompanhia de Artes Cênicas apresenta “O palhaço de La Mancha”, que conta a história de uma trupe de palhaços que vivia em uma cidade na Amazônia. Sininho, Caco, Pingo e Guaracy eram seus nomes, eles tinham almas fartas de sonhos, mas pobre de bens. Eles começam a ler livros de um tal Miguel de Cervantes, tanto que se esqueceram de suas atividades cotidianas e perderam o juízo. Foi quando veio a tormenta de suas famílias, e eles saíram por aí, como artistas de rua, contando a história de um tal palhaço de La Mancha. Classificação indicativa: livre.

Dia 8, sexta, às 20h

Estreia do 15º Festival de Teatro da Amazônia, com o espetáculo “Fina”, do grupo Um Teatro Produções. Fina é uma menina especial. Afinal de contas, é diferente de todas as outras. Gosta de conversar com suas bonecas e morre de medo que ninguém apareça na sua festa de aniversário. No fundo, bem no fundo, sente-se um bocado solitária. Classificação indicativa: livre.

Dia 9, sábado, às 11h

O Ateliê 23 lança o projeto audiovisual “A Bela é Poc”, composto de três obras: o videoclipe “Glowria”, o videodança “Azul” e o curta-metragem que leva o título do projeto, para falar sobre a homofobia a partir das bionarrativas cênicas, que é o uso do material biográfico e documentais em cena, uma característica da companhia amazonense. O projeto foi contemplado no edital Prêmio Feliciano Lana, promovido pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, como parte das ações da Lei Aldir Blanc no Estado. Classificação indicativa: 16 anos.

Dia 9, sábado, às 20h

Dentro da programação do XV Festival de Teatro da Amazônia, a Descartável Cia & Produtora Cultural apresenta o espetáculo “E o céu beijou a boca de Saturno”. Na história, após três meses de viagem, Felipe prepara uma festa surpresa para a chegada de Thiago. Entre cerveja, risos e fotografias, torna o público o principal convidado para a festa, refletindo sobre a morte do amor, o passado e as relações que construíram sua personalidade numa modernidade cada vez mais fluida, cada vez mais líquida. Classificação indicativa: 16 anos.

Dia 10, domingo, às 19h

Continuando a programação do XV Festival de Teatro da Amazônia, a Cacompanhia de Artes Cênicas apresenta “Circo de La Mamá”. No espetáculo, a dona do circo morreu, o mágico sumiu e as outras atrações se demitiram. Lola, Teffy e Gregório são os únicos que ficaram no Circo de La Mamá, que, após a perda da matriarca, viram-se obrigados a perpetuar sua memória e tradição. No entanto, o desafio será manter um show com mais de dez atrações com uma palhaça, uma malabarista e um acrobata. Classificação indicativa: livre.

Dia 12, terça, às 20h

A Menina Miúda Produções apresenta, dentro da programação do XV Festival de Teatro da Amazônia, o espetáculo “Menina Miúda”. Para tentar conquistar o coração de sua amada, o insistente Zé utiliza de suas aptidões e muita lábia para conquistar o coração de sua amada, sem poupar de uma boa imaginação, grandes promessas, presentes para lá de inusitados e até uma poesia bastante curiosa feita exclusivamente para Constância. Classificação indicativa: livre.

Dia 14, quinta, às 20h

Concerto da Amazonas Filarmônica com William Hagen. O violinista norte-americano William Hagen é o solista desta noite com a Amazonas Filarmônica. O músico, premiado no Concurso Rainha Elisabeth da Bélgica, tocará o Concerto para violino de Mendelssohn. O maestro Luiz Fernando Malheiro rege o concerto, que contará ainda com “As Hébridas” (A gruta de Fingal), também de Felix Mendelssohn. Classificação indicativa: livre.

Dia 15, sexta, às 20h

A Flip Produções realiza a quarta edição do Festival Break The Floor América Latina. A competição internacional de break dance acontece na categoria 4vs4 (quarteto) e tem como jurados convidados Bboy Till, de Fortaleza; Bboy Roxo, de Manaus; e Bboy Pito, de Parintins. O evento conta com a presença do DJ Insano, de São Paulo. A equipe vencedora vai ganhar o título de melhor grupo de break da América Latina. Classificação indicativa: livre.

(*) Informações da assessoria