AM chega a 90.814 pessoas recuperadas da Covid-19

Foto reprodução

O Amazonas atingiu a marca de 90.814 pessoas recuperadas da Covid-19. Os dados constam no Boletim Diário da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) dessa segunda-feira (10), que também apontam mais de 240 novos casos.

Foram confirmados 247 casos da doença no Amazonas na edição do boletim. Destes, 30 casos foram confirmados por exame de biologia molecular RT-PCR, que identifica o vírus no organismo e detecta casos novos agudos entre o terceiro e o sexto dia de sintomas, período de transmissão da doença.

Os outros 217 que foram confirmados por testes rápidos que detectam os anticorpos, com data de oito a 60 dias ou mais das primeiras manifestações da Covid-19.

Conforme o boletim, foram confirmados mais 25 óbitos pela doença, sete ocorridos nas últimas 24 horas e 18 que tiveram confirmação por novos critérios da Covid-19, recomendado pelo Ministério da Saúde, elevando para 3.384 o total de mortes.

O boletim aponta ainda que 12.999 pessoas com diagnóstico de Covid-19 estão sendo acompanhadas, ou seja, são casos confirmados nos últimos 14 dias, que se encontram internados ou em isolamento domiciliar.

Municípios 

Dos 107.197 casos confirmados no Amazonas até esta segunda-feira (10), 37.637 são de Manaus (35,11%) e 69.560 do interior do estado (64,89%).

Além da capital, os 61 municípios têm casos confirmados: Coari (6.769); Parintins (3.593); São Gabriel da Cachoeira (3.522); Manacapuru (3.476); Tefé (3.282); Humaitá (2.485); Barcelos (2.159); Itacoatiara (2.020); Lábrea (1.964); Presidente Figueiredo (1.884); Santa Isabel do Rio Negro (1.785); Tabatinga (1.704); Iranduba (1.671); Benjamin Constant (1.528); Eirunepé (1.519); Maués (1.233); Alvarães (1.188); Autazes (1.187); Careiro (1.173); Santo Antônio do Içá (1.140); Rio Preto da Eva (1.133); São Paulo de Olivença (1.131); Manicoré (1.081);  Pauini (1.062); Boca do Acre (957); Tapauá (953); Ipixuna (925); Carauari (861); Guajará (828); Atalaia do Norte (818); Nova Olinda do Norte (804); Barreirinha (785); Fonte Boa (748); Anori (715); Urucurituba (695); Borba (673); Novo Aripuanã (666); Uarini (639); Beruri (579); Anamã (559); Itapiranga (556); Tonantins (552); Nhamundá (544); Itamarati (521); Amaturá (519); Urucará (509); São Sebastião do Uatumã (490); Juruá (449); Manaquiri (440); Maraã (402); Japurá (397); Jutaí (325); Canutama (310); Boa Vista do Ramos (299); Novo Airão (285); Caapiranga (266); Silves (233);

Codajás (202); Careiro da Várzea (136); Envira (116) e Apuí (115).

Óbitos 

Entre pacientes em Manaus, há o registro de 2.070 óbitos confirmados em decorrência do novo coronavírus. A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa- Manaus) está encerrando óbitos de meses atrás, após a revisão epidemiológica de acordo com os novos critérios do Guia de Vigilância Epidemiológica/ Síndromes Respiratória Aguda Grave, do Ministério da Saúde, publicado no dia 05 de agosto de 2020.

No interior, são 58 municípios com óbitos confirmados até o momento, em um total de 1.314. A lista inclui Manacapuru (138); Coari (104);  Parintins (102); Tefé (84); Tabatinga (78); Humaitá (65);  Itacoatiara (61); São Gabriel da Cachoeira (49); Iranduba (46); Autazes (36); Benjamin Constant (35); Maués (32); Lábrea (27); Barcelos (24); Manicoré (24); Nova Olinda do Norte (24); São Paulo de Olivença (23); Presidente Figueiredo (23);  Borba (22); Santo Antônio do Içá (20); Fonte Boa (18); Careiro (17);  Jutaí (16); Rio Preto da Eva (16); Tonantins (14); Alvarães (13); Manaquiri (12); Santa Isabel do Rio Negro (12);  Anori (11); Boca do Acre (11); Novo Aripuanã (11); Barreirinha (11); Guajará (10); Uarini (9); Nhamundá (9); Amaturá (8); Carauari (8); Beruri (7); Juruá (7); Novo Airão (7); Itapiranga (6); Caapiranga (6); Urucará (6); Eirunepé (5); Tapauá (5); Silves (5); Itamarati (5); Careiro da Várzea (4); Pauini (4); Atalaia do Norte (4); Urucurituba (4); Maraã (4); Codajás (3); Ipixuna (3);  Boa Vista do Ramos (2); São Sebastião do Uatumã (2); Japurá (1) e Envira (1). Permanecem sem óbitos registrados: Anamã, Apuí, Canutama.

Outros 19 óbitos por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) estão sendo acompanhados. Dentre estes, 18 estão em investigação epidemiológica e um aguardando o resultado laboratorial. Ao todo, 521 foram descartados para o novo coronavírus.

(*) Informações da assessoria