Amazonas confirma 6 casos de flurona, dupla infecção por Covid-19 e Influenza

Esse número pode ser maior, visto que há subnotificação de casos

Fto: Divulgação/GettyImagens

Durante coletiva de imprensa, realizada na manhã desta terça-feira (11), pelo secretário de Saúde, Anoar Samad, confirmou que subiu para 6 o número de casos de coinfecção por Covid-19 e Influenza A (H3N2) no Amazonas.

Na última quinta-feira (6), foram notificados os dois primeiros casos da ‘flurona’, nome dado pela imprensa internacional  para união dos termos ‘flu’, de influenza, com ‘rona’ de coronavírus.

A chamada dupla contaminação é constatada quando os testes para gripe e para Covid-19 dão positivo simultaneamente.

Segundo Anoar Samad, quatro novos casos foram confirmados e um outro segue sendo investigado. E alertou que provavelmente temos mais casos de dupla infecção no caso das pessoas que não realizam os testes. “Deve ter mais, porque termina tendo uma subnotificação, algumas pessoas não procuram atendimento também, não se testam. Tem que ver. Com certeza tem mais”, disse.

Avanço da ômicron no Amazonas

Nessa segunda-feira (10), o secretário também informou que o número de casos confirmados da variante ômicron no Amazonas subiu para 22. Os casos confirmados estão sendo monitorados e orientados a cumprirem isolamento domiciliar por 14 dias, com o objetivo de conter a disseminação da Covid-19.

Para conter o aumento de novos casos de Covid-19, foi proibida a realização de eventos com venda de ingressos, e os eventos privados só podem ser realizados com o limite de até 200 pessoas.

As festas e blocos de rua em Manaus também foram suspensos no Carnaval deste ano, pela prefeitura. A tradicional Temporada de Cruzeiros, que deveria iniciar neste mês, também foi suspensa.