Anúncio

Amazonas registra terceiro caso confirmado do novo coronavírus

Foto: reprodução/facebook

Subiu para três o número de casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19), no Amazonas.  A informação é da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM), durante uma entrevista coletiva on-line, realizada nessa quinta-feira (19) para atualização de informações sobre medidas de prevenção e controle da Covid-19 no Estado. 

Informações que o Radar conseguiu indicam que o terceiro caso é uma mulher de 25 anos, com histórico de viagem pela Europa e Peru. Nessa quarta (18), a Fundação confirmou o segundo caso de paciente infectado no Amazonas, que já estaria isolado e sendo monitorado. No último dia 13, a capital amazonense registrou o primeiro caso de um paciente vindo da Inglaterra.

O balanço atual da FVS informa que desde fevereiro, foram notificados 52 casos da doença no Estado, sendo 42 destacados e 7 continuam sendo analisados. Três foram confirmados para o coronavírus. 

Negativo 

Durante a coletiva, o governador Wilson Lima confirmou que testou negativo para a doença, assim como o Radar noticiou horas antes, na matéria – Wilson Lima e deputados estaduais que tiveram contato com Alcolumbre testam negativo para Covid-19. Eles tiveram contato com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), na última quinta (12), quando ele esteve em Manaus para cumprir agenda local. Nessa quarta-feira (18), Alcolumbre testou positivo para o coronavírus.

Wilson Lima, que estava em isolamento domiciliar por precaução, até que o resultado do exame fosse divulgado, agora retorna às atividades, mas continua cumprindo as recomendações do Ministério da Saúde evitando, por exemplo, aglomerações, como medida de prevenção e controle do novo coronavírus.

Mais medidas 

O governador também anunciou que foram suspensas as aulas em todas as escolas estaduais no Amazonas, por 15 dias.  Além disso, foram paralisadas as atividades em academias de ginásticas e similares e dos serviços de transporte fluvial de passageiros. Em relação ao aeroporto de Manaus, o governador frisou que embora seja uma competência do Governo Federal, o Governo do Estado também estuda realizar monitoramento no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes. ⠀