Amazonino caminha ao lado de multidão, em Carauari

A menos de duas semanas para a votação do primeiro turno da eleição suplementar 2017, o candidato Amazonino Mendes (PDT) segue em visita aos municípios do interior do Estado. Na tarde desta quarta-feira (26), o ex-governador desembarcou em Carauari (a 788 quilômetros de Manaus), onde caminhou ao lado dos moradores e participou de carreata pelas ruas da cidade.

Acompanhado dos deputados federais Silas Câmara (PSD), Pauderney Avelino (DEM) e dos deputados estaduais Sidney Leite (Pros) e Dermilson Chagas (PEN), Amazonino discursou aos milhares de comunitários, que pediram o retorno do candidato ao Palácio do Governo. “Meu povo maravilhoso daqui de Carauari, muito obrigado com este gesto, carinho e consideração. Minha obrigação em dar tudo de mim para que eu lá no governo jamais falte ao homem simples e à mulher trabalhadora, e para aqueles que precisam de governo, que jamais falte a esperança, que virá da mão morena de um cara do Juruá, chamado Amazonino Mendes”, declarou em tom emocionado o ex-governador.

Cheio de disposição, o candidato disse aos moradores que, se eleito, irá comandar a tarefa mais difícil de sua carreira política, a de reconstruir o Estado em 12 meses. “Vou enfrentar no governo uma luta muita árdua. Por isso, eu me candidatei para libertar o Estado da má gestão em que se encontra, do descompromisso, da falta de amor ao povo e à gestão pública. Mas, com amor, nós iremos reconstruir o Amazonas e planejar o futuro”, destacou.

Amazonino pediu aos carauarienses que avisassem aos ribeirinhos que o “Negão, voltou”. “Meus amigos comuniquem nos beiradões, nas margens, nos rios e afluentes, que o ‘Negão, voltou’. A esperança, voltou. Eu enxergo, eu considero, vislumbro, que quem mais precisa de governo é quem está perdido no meio do rio, sem apoio, totalmente abandono”, finalizou.

Para a vereadora do município Lenice Barros (Pros), fazer campanha para Amazonino na cidade é fácil, sobretudo, pelas realizações feitas pelo ex-governador. “Ele deu uma universidade a esse povo. Ouço sempre pessoas agradecendo e dizendo que se tem uma ‘rabeta’ para pegar peixe, para pescar, foi o Amazonino quem deu. Ele foi o único que conheceu a realidade do interior de perto. Amazonino, estou atrás de esperança para esta cidade e o senhor não vai nos decepcionar. Traga esperança a esse povo”, declarou.

Ainda nesta quarta-feira (26), o líder da coligação “Movimento pela reconstrução do Amazonas” embarcará para à terra natal, Eirunepé, onde participará de carreata e comício na cidade.

Obras

Como governador do Amazonas, o candidato deu atenção especial ao município pertencente à Calha do Juruá, onde instituiu aos moradores a Universidade Amazonas (UEA). Amazonino distribuiu implementos agrícolas e abriu linha de créditos para produtores rurais expandirem seus negócios, por meio do Terceiro Ciclo. Ele construiu escolas, delegacia regional e de proteção à mulher, aeroporto, vicinais e estradas, além de ampliar o abastecimento de água e energia da cidade.

Foto: Clóvis Miranda

Assessoria de Comunicação

Esta matéria é de total responsabilidade do candidato

Agenda: (27/07)

O candidato estará em campanha pelos municípios do interior do Amazonas.