Amazonino se antecipa a Trump e constrói seu muro, mas diz que é fake tá gente!

Definitivamente, o Negão é tech, é pop, é tudo mesmo, gente! Imagina que ele conseguiu construir um muro pra ele antes de Donald Trump, o presidente da maior economia do mundo, construir o seu. Mas, lá na terra do Tio Sam não teve money não manozinho! Mas, na terra do Negão, teve dinheiro, deu pra fazer!

E olha que Trump só queria seu muro pra afastar uns tantos vizinhos mexicanos que ele não quer em sua “casa”. Mas, na questão do Negão, ele teve que afastar mesmo foi o maior rio o mundo em volume d´água que estava batendo no quintal de sua “humilde” residência – pelo amor do Negão! Será que dá pra construir um muro de contenção desse lá em Apui onde o rio invadiu as casas e tem mais de 200 famílias desabrigadas.

Mas, Amazonino, em sua mais nova versão 2018, decidiu postar um vídeo no Facebook, e usando uma expressão muito usada pelo midiático tresloucado Trump pra desdizer aquilo que disse porque pegou mal, falou que a notícia do seu muro é um “fake” – no inglês da terra de Trump significa “falso” e na nossa língua mãe, o caboquês, é lambança, aga, futrica…

Mas, o que será que é fake? O muro é que não é? Porque tá lá pra todo mundo ver, né mesmo gente? Tanto num é fake que Amazonino diz que tem contrato firmado e reconhecido em cartório? Mas, cadê o contrato? Por que num boiou até agora? Será que a água do rio levou?

E também não é fake não os milhões que foram pagos para a construtora MCW que tem contratos com o Governo, a mesma que está construindo o muro do Negão. Se fosse assim, o Portal Transparência também era fake, né gente! E na terra do raivoso Trump a gente não sabe como ficaria isso no inglês, mas no nosso caboquês, o nome disso é “cruzeta”, né meu povo?