Após CR7 ser diagnosticado, irmã do jogador diz que Covid-19 é “fraude”

Foto: Instagram_katiaaveirooficial

Depois de ter revelado o seu ceticismo quanto ao novo coronavírus, afirmando que “existem outras doenças que matam muito mais”, Katia Aveiro voltou às redes sociais para mostrar que não acredita na gravidade da pandemia.

Após Cristiano Ronaldo ter testado positivo para a covid-19, a irmã deixou clara a sua opinião nos stories da sua conta do Instagram publicado na manhã desta quarta-feira (14).

“Se tem que ser o Cristiano Ronaldo para fazer acordar o mundo, tenho que dizer que este português é mesmo um predestinado, um enviado de Deus. Obrigado! Acredito que hoje uns bons milhares vão passar a acreditar tanto nesta pandemia, testes, nas medidas tomadas, como eu… Maior fraude que assisti desde que nasci”, começou por escrever.

E finalizou: “Uma frase que li hoje e que aplaudi de pé: Já chega de fazer o mundo de fantoche. Alguém abra os olhos, por favor”.

Cristiano Ronaldo foi diagnosticado com o novo coronavírus nesta terça-feira (13). Está assintomático e a cumprindo isolamento social na Cidade do Futebol, em Oeiras. Contudo, prevê-se que viaje para Turim, em Itália, nas próximas horas.