Após denúncia do Radar, Prefeitura abre Centro de Testagem para covid-19 no Studio 5

Hoje, o local vai funcionar até às 22h. Nos próximos 15 dias, deve operar de segunda a sábado, das 9h às 21h

Foto: Camila Batista / Arquivo Semsa

Após o Portal Radar Amazônico denunciar a precariedade no atendimento nas UBSs em testagens para covid-19, além de superlotação nas Unidades Básicas de Saúde, a Prefeitura de Manaus abre, nesta quarta-feira (12), às 14 horas, o primeiro Centro Municipal de Testagem para Covid-19.

O serviço, coordenado pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), vai funcionar no Studio 5 Centro de Convenções, na zona Sul da capital, com a oferta gratuita de teste rápido de antígeno. Excepcionalmente nesta quarta, o local vai funcionar até às 22h e, nos próximos 15 dias, deve operar de segunda a sábado, das 9h às 21h.

De acordo com a titular da Semsa, Shádia Fraxe, o Centro visa facilitar o acesso das pessoas com sintomas de síndromes respiratórias ao teste, também ofertado em Unidades Básicas de Saúde (UBSs), espalhadas nas diferentes zonas geográficas. A medida faz parte das ações promovidas pelo município para o enfrentamento do novo cenário epidemiológico, marcado pelo avanço da variante Ômicron e aumento de casos suspeitos e confirmados de Covid-19 e de outras infecções causadas pelo vírus Influenza.

Shádia Fraxe destaca ainda que a criação do Centro já estava no plano de ações da prefeitura, e sua montagem foi acelerada “diante da curva de crescimento dos casos de síndromes respiratórias verificados nas unidades da rede municipal e confirmados nos boletins epidemiológicos que apresentam o panorama da Covid-19 no Estado.”

Devem procurar o serviço as pessoas que apresentarem sintomas como febre acompanhada de tosse ou dor de garganta, dor de cabeça, dores no corpo e mal-estar iniciados há até sete dias. Para as pessoas com sintomas a partir do 8º dia, esse tipo de teste não é indicado, e o paciente é encaminhado diretamente para atendimento médico.

Para ter acesso ao teste, o usuário deve apresentar documento de identificação e Cartão Nacional do SUS.

(*) Com informações da assessoria