Após eliminação, madrugada tem brincadeiras e chamego de Marcela e Daniel

A madrugada desta quarta-feira, 12/2, foi de pura diversão para os brothers. Eles ficaram horas brincando de jogos e dando risadas. Mas, antes disso, teve a eliminação de mais um participante. Hadson deixou o confinamento com 79,71% dos votos. E é claro que esse assunto também repercutiu. Ainda tivemos momentos de chamego entre Daniel e Marcela.

Quer ficar por dentro do que aconteceu? Vem com a #RedeBBB que nós te contamos tudo!!! 😊😊😊

Mais uma eliminação

No paredão disputado por Felipe e Hadson, quem levou a pior foi o ex-jogador de futebol. O paraense foi o terceiro eliminado com 79,71%. Ao ser anunciada sua saída, ele recebeu o carinho dos colegas de confinamento, que o aplaudiram. E ele mandou o seu último conselho: “Aproveitem isso aqui. ”

Felipe recebeu apenas 20,29% dos votos e permanece dentro do Big Brother Brasil. O arquiteto comemorou muito por ter ficado.

Mas, depois da felicidade, começa a vir as análises do jogo… Em papo com Lucas, o arquiteto revelou o que está lhe preocupando:

“A única coisa que está me preocupando, de verdade, é as meninas fazendo panelinha. Se elas querem direitos iguais, não pode votar por ser mulher ou homem.”

Por outro lado, teve gente que curtiu o fato de Felipe ter ficado na casa. Após a saída de Hadson, Marcela, Pyong, Gizelly e Manu comentaram sobre a permanência dele. Durante a conversa, a ginecologista disse: “Eu fiquei muito feliz com o Prior (Felipe). Ele ainda é uma pessoa, depois do Lucas, que eu me identifico menos na casa? É! Mas estou muito mais aberta agora que ele pediu desculpas para conviver melhor com ele. O Lucas, vou esperar que ele tenha alguma atitude dessa em algum momento.”

Em outro momento, Manu disse estar mais tranquila com a saída de Hadson.

“Mas o resultado deixou claro que era isso mesmo a percepção das pessoas, né? O que me deixa um pouco mais tranquila é que vai de acordo também com as informações da Casa de Vidro que eles (Daniel e Ivy) trouxeram”.

Ao longo da madrugada, as sisters seguiram conversando sobre a eliminação, o que ela representa e repercutiram o discurso proferido por Felipe sobre perdão – assim como a fala de Rafa logo na sequência.

Manu foi quem soltou as principais aspas nesse sentido. Confere só:

  • “Acho que foi de coração, a atitude do Prior (Felipe) de falar. Acho que o Hadson foi na onda. Se o Prior não tivesse falado nada…”.
  • “Ele poderia ter passado pelo paredão e ter voltado sem falar nada. Acho isso mais louvável do que ficar quieto”.
  • “O Prior (Felipe) era o mais influenciável deles”.
  • “Só achei que esse discurso (da Rafa)…, fiquei com medo de ser um pouco invalidando tudo o que a gente fez”.