Argélia empata com a Rússia e se classifica para as oitavas pela primeira vez

argéliaA Argélia conseguiu um feito inédito: a classificação para as oitavas de final. O time vem geograficamente da África, mas representa um país que se enxerga em primeiro lugar como parte do mundo árabe e muçulmano, o que deu para notar bastante bem no comportamento da torcida.

A emoção estava pintada no rosto nas cores de Argélia, Rússia e Brasil. O colorido seria a decoração de uma festa histórica.

No quarto e último jogo da Copa em Curitiba, mais uma vez a arena estava lotado, com quase 40 mil torcedores. E, no gramado, também haveria despedida.

Os russos precisavam da vitória. A seleção da Argélia mostrava que daria o sangue para evitar a derrota e um empate bastava. A Rússia pressionava e, de cabeça, Kokorin fez gol, pediu silêncio e calma à torcida adversária.

Em resposta à parte argelina do estádio, a torcida russa aumentou ainda mais a cantoria. E, no segundo tempo, falta para Argélia. Um feixe de luz é jogado no rosto do goleiro russo. Cobrança feita e a cabeçada de Salimani é perfeita.

O placar de 1 a 1 levou pela primeira vez a Argélia às oitavas de final. O técnico da Argélia disse que a seleção dele tem ainda muito o que crescer, quem sabe talvez contra a Alemanha, a adversária nas oitavas de final.

Quando o jogo terminou, foi um passo gigante para o futebol deles. Emoção e festa na mesma proporção.

Fonte: G1