Arthur diz ser grave saída da Petrobras do Amazonas e opina sobre atitudes para contornar a situação (ver vídeo)

O prefeito de Manaus, Arthur Neto em vídeo enviado ao Radar, disse que foi com muita tristeza que recebeu a notícia da possibilidade da Petrobrás deixar o Amazonas e que isso é muito grave para o Estado, num momento quando a economia está combalida.

Ele destacou a importância econômica do setor de petróleo e gás para o Amazonas, num momento em que a Zona Franca, assim como toda a atividade industrial do país está fragilizada. “A Zona Franca já perdeu com a crise econômica e a pandemia 46% do que ela teria faturado no mesmo período do ano passado”, destaca o prefeito.

No mesmo momento em que demonstra sua preocupação, o prefeito aponta alternativas de atos e comportamentos, como diálogo e negociação, para que o Amazonas contorne essa situação.