As bênçãos da tríade de irmãos da Assembleia de Deus para Omar e Alfredo

Pelo menos aos olhos da tríade de irmãos que comandam a Assembleia de Deus – o deputado federal Silas Câmara e os pastores presidentes Jonatas e Samuel – o senador Omar Aziz (PSD) e o deputado federal Alfredo Nascimento (PR) estão com seus pecados perdoados e devidamente abençoados por eles para suas candidaturas ao Governo do Estado e Senado Federal, respectivamente.

Omar e Alfredo receberam a benção dos Câmara que dizem ter linha direta com Deus para determinar os escolhidos na terra e fazê-los ganhar eleições. Foi assim nas duas últimas eleições quando elegeram Melo e Amazonino (PDT).

Após o louvor e as bênçãos ainda teve a pose para as fotos fazendo o 22 de Alfredo Nascimento, número que estará nas urnas e que está nas mãos dos obreiros e pastores da Assembleia de Deus arrebanhados pelos irmãos Câmara.

Já Omar está em estado de graça! Na semana passada, foi arquivado por falta de provas o processo em que era réu, junto com o senador Eduardo Braga, sob acusação de recebimento de propina na construção da Ponte do Rio Negro.

Para que o processo fosse arquivado houve a intercessão terrestre do ministro Alexandre de Moraes – aquele que virou ministro pelas mãos do presidente Temer. Com o arquivamento de processos – escrevi no plural porque não existe só esse da Ponte Rio Negro – e as bênçãos dos Câmara, quem sabe não desaparece também a rejeição de Omar, né mesmo gente?