Assaltante é baleado após fugir para área de mata no Santa Etelvina

Foto: Jhonata Lobato

Passageiros da linha 430 foram vítimas de um assalto a mão armada na manhã dessa quarta-feira (17). O crime aconteceu por volta das 6h30 na avenida Torquato Tapajós, onde três suspeitos realizaram o ato criminoso, na fuga um dos integrantes foi baleado pela polícia em uma área de mata no bairro Santa Etelvina, Zona Norte de Manaus.

De acordo com informações do sargento Havelange, da 26ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), o suspeito Fabrício Brito da Costa, de 35 anos, correu para a área de mata junto com os comparsas. Uma viatura estava próxima, e os pms viram a situações e foram atrás dos suspeitos.

“Nós avistamos esse rapaz, e para tentar nos intimidar ele atirou contra nossa guarnição, então revidamos. Ele disse que não estava envolvido com o assalto, mas estava ali na mata para catar buritis, mas com ele estava uma calibre 22. Fizemos uma foto do rosto dele e enviamos para outra equipe que estava na delegacia com as vítimas, que o reconheceram”, explicou.

Foram recuperados oito celulares, dinheiro em espécie, relógios, bolsas, documentos entre outros pertences que estavam com Fabrício.

O homem foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Campos Sales, na zona Oeste, onde recebeu atendimento médico. Fabrício foi atingido na região do tórax, e teve que ser transferido para o Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, na zona Leste. A bala lesionou a bexiga e demais órgãos. Inclusive um dos rins foi removido em procedimento cirúrgico.

Policiais militares continuarão resguardando a unidade hospitalar a espera da alta médica do suspetio, para então, conduzi-lo ao 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP) onde será apresentado.

A equipe da 18ª Cicom entrou na região de mata para continuar as buscas pelos outros comparsas, mas até o momento da publicação desta matéria, nenhum deles foi encontrado.