Anúncio Advertisement

Atlético-MG e Cruzeiro vencem, Fla e Inter tropeçam na Libertadores

Atlético-MG e Cruzeiro venceram nesta quarta-feira (3) de Copa Libertadores, enquanto Flamengo e Internacional tropeçaram em casa em seus compromissos válidos pela terceira rodada da fase de grupos.

No Mineirão, os atleticanos bateram o Zamora (VEN) por 3 a 2, de virada. A equipe alvinegra foi para o intervalo perdendo por 2 a 0. Na volta, contou com gols de Maicon, Vinícius e Fábio Santos. Com três pontos, terminaram a rodada na terceira colocação do grupo E, atrás de Nacional-URU, com seis, e Cerro Porteño (PAR), que lidera com nove.

Veja também: Infecção urinária fez Pelé ser internado em Paris

Já no Equador, o Cruzeiro venceu o Emelec por 1 a 0, com tento de Rodriguinho. Os cruzeirenses lideram o grupo B com nove pontos e estão próximos de assegurar uma vaga no mata-mata do torneio continental.O segundo colocado, o Deportivo Lara (VEN), tem quatro. Emelec, com dois, e Huracán (ARG), com um, completam a chave.

O Inter, atuando no Beira-Rio, chegou a estar vencendo o River Plate (ARG) por dois gols de diferença, mas cedeu o empate em 2 a 2. Os gols colorados foram anotados por Nico López e Edenílson.Apesar do tropeço, a equipe gaúcha ainda lidera o grupo A, com sete pontos, três a mais que o Palestino (CHI), segundo colocado. River, com três, e Alianza Lima (PER), com apenas um ponto, aparecem atrás.

No Rio, outro time brasileiro que frustrou seus torcedores foi o Flamengo, com derrota por 1 a 0 para o Peñarol (URU). Gabigol, expulso, tornou mais fácil a missão dos uruguaios, que contaram com gol de Viatri no fim.A derrota custou a liderança do grupo D ao Flamengo, que cedeu ao próprio Penãrol.

Ambos têm seis pontos, mas os uruguaios levam vantagem no saldo de gols (3 a 2). A chave tem ainda LDU (EQU), com quatro, e San José (BOL), com um ponto.Nesta quinta (4), o Grêmio fecha a participação de brasileiros na rodada, em duelo a partir das 19h (de Brasília) com a Universidad Católica, no Chile.

Na terça (2), outro representante do Brasil havia ido a campo: o Athletico-PR, com vitória histórica sobre o Boca Juniors (ARG) por 3 a 0, na Arena da Baixada.