BNDES estuda inclusão do estado do Rio no financiamento à segurança

Nessa quarta-feira (7), em Brasília, o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, reiterou disposição de entrar na disputa por recursos federais para projetos de combate à violência no município. O anúncio foi feito após reunião de prefeitos de várias capitais com o presidente Michel Temer, no Palácio do Planalto. Crivella defendeu prioridade para os repasses às cidades com maior população e índice de criminalidade.

Durante o encontro, o ministro extraordinário da Segurança Pública, Raul Jungmann, confirmou aos prefeitos o acesso a uma linha de financiamento de R$ 10 bilhões do BNDES para investimento na área de segurança pública.

No dia 1º deste mês, o governo federal anunciou linha de financiamento de R$ 42 bilhões para o setor, com parte dos recursos do BNDES.

Fonte: Agência Brasil