Boi Caprichoso ajuda milhares de pessoas durante Natal Solidário em Parintins

O Natal Solidário aconteceu no curral Zeca Xibelão e contou com a participação do presidente Jender Lobato e o vice Karu Carvalho

boi caprichoso natal solidário

Foto: Arleison Cruz

O Boi Caprichoso realizou na manhã desta quinta-feira (23), no complexo do curral Zeca Xibelão, em Parintins, a maior ação social da sua história. A iniciativa intitulada “Caprichoso — Natal Solidário” foi comanda pelo presidente Jender Lobato e pelo vice-presidente Karu Carvalho com oferta de diversos serviços gratuitos para a população da ilha tupinambarana.

A atividade encerra oficialmente as ações realizadas pelo bumbá em 2021. O espaço se transformou em uma grande praça cultural com a oferta de serviços na área da saúde como: consulta oftalmológica, consulta odontológica, atendimento médico, testagem Covid-19, testagem IST’s, vacinação contra a Covid-19 e atendimento psicológico.

Na área do serviço social, houve expedição de RG (1.ª e 2.ª Via), corte de cabelo e consulta jurídica. Também foram entregues mais de mil cestas básicas para as famílias dos brincantes azulados.

A ação foi elogiada pela marujeira Shirlei Araújo. A ritmista de palminha reconheceu todos os segmentos do bumbá receberam cesta de alimentos e ainda tiveram a oportunidade de serem contemplados com serviços oferecidos no curral Zeca Xibelão.

“A gente observa que o nosso boi sempre interage com a população e com os brincantes. Também dentro do boi tem pessoas com necessidade, sem emprego ou alguém que possa ajudar em casa. Uma cesta básica, o corte de cabelo, os atendimentos odontológicos e psicológicos são muito importantes dentro e fora do boi, porque muitas pessoas não têm oportunidade”, reconheceu.

O presidente do Boi Caprichoso, Jender Lobato, destacou que cada vez mais fica orgulhoso de ser Caprichoso por poder proporcionar esse momento memorável na história do bumbá.

“A maior ação social da nossa história veio em uma hora muito boa, no momento em que as pessoas sofrem muito não só pela perda de entes queridos, por conta da pandemia, mas pelas dificuldades de emprego e renda. A gente sabe que as pessoas que trabalham no boi dependem do festival e de outros eventos para sobreviverem. O Boi Caprichoso tenta amenizar um pouco dessa dor, não só com uma cesta básica, mas trazendo esperança para cada uma dessas pessoas”, revelou.

Durante a ação, houve som ao vivo com os cantores oficiais do bumbá e quem compareceu também foi presenteado com o sorteio de CDs, de bicicletas, de brinquedos e de camisas modelo “Tradição Que Renasce”.

(*) Com informações da Assessoria