Bolsa Universidade encerra inscrições para 17,5 mil vagas neste domingo (1º)

Foto: Divulgação

Terminam neste domingo (1º), as inscrições para às 17,5 mil vagas ofertadas no Programa Bolsa Universidade 2020, da Prefeitura de Manaus. Os interessados devem acessar o endereço http://bolsa.manaus.am.gov.br até as 23h59 para garantir a inscrição. 

Em sua 11ª edição, o programa oferta bolsas integrais (100%) e parciais de 50% ou 75% em cursos de graduação, para estudantes de baixa renda. Os interessados devem atender os requisitos básicos para concorrer a uma bolsa.

Entre eles estão, ter ensino médio completo ou equivalente (podendo concluir até 31/12/2019), não possuir diploma de curso superior ou estar matriculado em instituição de ensino pública. Além disso, não estão aptos a participar beneficiários de programa de graduação mantido pelo poder público ou pela iniciativa privada.

O edital completo, com informações sobre cursos e valores das mensalidades também está disponível no site de inscrição. O processo seletivo é coordenado pela Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi), vinculada à Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad).

Pelo Bolsa Universidade, o beneficiário não precisa devolver o valor que foi investido na qualificação. Ao invés de pagar pelo seu estudo, o aluno participa de projetos de cunho social, educacional, cultural, socioambiental, esportivo, entre outros, realizados pela própria Prefeitura de Manaus e parceiros.

Nesta edição, 15 Instituições de Ensino Superior (IES) privadas se credenciaram para a oferta de bolsas: Centro Universitário de Ensino Superior do Amazonas (Ciesa), Centro Universitário Fametro, Centro Universitário Luterano de Manaus (Ulbra), Centro Universitário Maurício de Nassau (Uninassau), Escola Superior Batista do Amazonas (Esbam), Faculdade Boas Novas (FBN), Faculdade Martha Falcão Wyden, Faculdade Salesiana Dom Bosco, Faculdade Santa Teresa, Fucapi, Instituto Amazônia de Ensino Superior (IAES), Materdei, Uninorte Laureate, Universidade Estácio de Sá e Universidade Nilton Lins.  

Classificação

A seleção dos classificados é feita com base na menor para a maior renda familiar per capita, de acordo com a quantidade de vagas disponíveis em cada curso. O percentual da bolsa maior é conferido aos candidatos de menor renda.

O processo seletivo se dará em três etapas: as inscrições eletrônicas – por meio do portal do programa –, a classificação, realizada pelo sistema de cruzamento de dados, e a entrega de documentação, ato em que o candidato classificado deve comprovar as informações declaradas na inscrição on-line, para garantir a bolsa.

Com informações da assessoria de imprensa