“Bolsonaro está usando a PF para me intimidar e eleger Russomanno”, diz Boulos

Agência Brasil/Divulgação

O candidato à prefeitura de São Paulo pelo PSOL, Guilherme Boulos, afirmou nesta segunda-feira 28 que o presidente Jair Bolsonaro utiliza de forma política a Polícia Federal para eleger Celso Russomanno (Republicanos).

“Bolsonaro está usando a PF para me intimidar e eleger Russomanno. Isso mostra que eles têm medo da nossa candidatura, porque ela é a que tem mais chances de ir ao segundo turno e derrotar o Bolsodoria em São Paulo. Nós não temos medo nem rabo preso”, disse Boulos a CartaCapital.

Na última sexta-feira 25, a PF procurou os advogados de Boulos para intimá-lo a prestar esclarecimentos sobre postagens feitas por ele em que criticava o presidente.

O advogado Alexandre Pacheco Martins, que representa o psolista, vai à PF em Brasília ainda hoje para entender do que se trata. A investigação acontece no âmbito de um inquérito aberto no Departamento de Inteligência Policial (DIP).

Guilherme Boulos aparece em 3º lugar nas pesquisas, atrás apenas de Covas (PSBD) e Russomanno. O coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) é o nome mais forte da esquerda na capital paulista.