Bombeiros encontram um dos corpos desaparecidos na Marina do Davi

Lancha naufragada também foi encontrada pelos mergulhadores no fundo do rio Negro

Foto: reprodução

O corpo de Genival Lopes da Rocha, de 40 anos, uma das vítimas de acidente com lanchas na base da Marina do Davi, no bairro Ponta Negra, zona oeste de Manaus, foi encontrado no início da tarde desta sexta-feira (23). Por volta das 12h50, os agentes do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) acharam a vítima a 800 metros da margem da base. A equipe ainda faz buscas pelo corpo do pastor Francisco Torres, de 50 anos.

O acidente aconteceu às 21h10 da noite de quinta-feira (22), quando uma lancha com três pessoas atingiu a embarcação dos evangélicos, que acabou afundando no local. A bordo do barco naufragado, estavam dois casais que realizariam um culto religioso em uma comunidade. As mulheres, que estavam de colete, foram socorridas e levadas para uma unidade hospitalar. Já os homens, que estavam sem colete, desapareceram junto com a embarcação.

Policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPamb) conduziram os ocupantes da embarcação que colidiu contra as vítimas, até o 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Além do Corpo de Bombeiros, a Marinha do Brasil, por meio do 9º Distrito Naval, mandou uma equipe de Busca e Salvamento para auxiliar nas buscas. O órgão também irá instaurar um Inquérito Administrativo, que será encaminhado ao Tribunal Marítimo, que fará a devida autuação aos responsáveis pelo acidente.