Anúncio

Bonecos prometem paz entre EUA e Coreia do Norte

O Carnaval de Olinda de 2018 entrará no clima do embate entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos. O artista plástico Leandro Castro promete selar a paz entre os dois países. Para isso, vai levar para as ladeiras dois novos bonecos gigantes: o National Kid e o ditador Kim Jong Un. Lá, eles se encontrarão com a alegoria do presidente dos EUA, Donald Trump, criada em 2017. No meio do frevo, o herói japonês do seriado dos anos 60 servirá como conciliador, para tudo acabar em festa.

“Queremos mostrar que em Pernambuco tudo acaba em carnaval. Convidamos o [boneco] Kim Jong Un, que ficou pronto, para aprender frevo. Nós temos a garantia de que tudo vai terminar em paz, porque chamamos o primeiro herói japonês, o National Kid, que está em fase final de confecção. Tudo isso é para promover uma reflexão, para a gente pensar num mundo bem melhor, sem violência”, comentou Leandro, criador da Embaixada de Pernambuco – Bonecos Gigantes de Olinda.

Segundo Leandro, geralmente, os bonecos pesam entre 16 e 20 quilos. Só que, dessa vez, para ficar mais fiel ao ditador norte-coreano, a alegoria tem um pouco mais do que o de costume. “Ele pesa 22 quilos. Como o original, ele é mais gordinho”, brincou.

Castro está trabalhando nos últimos retoques dos novos bonecos. Enquanto ela finaliza os detalhes, turistas visitam a sede da embaixada, no Bairro do Recife, no Centro. De acordo com o artista, o local recebe, por dia, cerca de 300 pessoas.

No espaço, onde ficam as criações do artista, em tom de brincadeira, entre risos e fotos, uma família de turistas de São Paulo se mostrou um pouco preocupada com a situação. “Ele [Kim Jong Un] é um pouco carrancudo. É um pouco perigoso, pode mandar um míssil para cá. Mas, tomara que se resolva tudo de uma vez por todas”, declarou Rita Oliveira, de 47 anos.

Mais novidades

Além do ditador e do herói japonês, mais 13 bonecos vão desfilar pela primeira neste carnaval. Eles integrarão um cortejo com 80 alegorias gigantes, que vão percorrer as ladeiras do Sítio Histórico de Olinda, no Sábado (10 de fevereiro), e 50 que vão abrilhantar a festa no Recife, na terça-feira (13).

Na lista das novidades, estão os bonecos do juiz federal Marcelo Bretas, que atua em processos contra o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, bem como jurados do programa do Chacrinha, como Elke Maravilha e Aracy de Almeida. Além deles, vai brincar nas ladeiras o técnico da Seleção Brasileira de Futebol, Tite.

O boneco de Bretas ainda está em fase de produção. Ele deve ficar pronto em 10 dias e fará companhia ao boneco do seu colega de profissão Sérgio Moro, um dos expoentes da Operação Lava Jato, criado para o carnaval de 2016. “Fizemos ele mais para uma reflexão. Precisamos buscar um país mais justo, melhor para todos”, completou Leandro.

Em clima da Copa do Mundo da Rússia, Leandro promete um desfile formado pelos atletas do time que lutará pelo hexa. “O Tite já está modelado. Já tínhamos o Marcelo e o Daniel Alves, desde a última Copa. Vamos aguardar, ficar um pouquinho mais próximo da Copa para não ter risco de contusões e, de repente, fazer o boneco de um jogador que não vai estar no mundial. O [time do] Brasil sempre foi gigante no futebol e precisa estar aqui em forma de boneco gigante também”.

Famoso pela cabeleira, o boneco do craque Neymar vai ficar com o cabelo bem baixinho até decidir o penteado oficial que será usado na Copa. “Ele sempre muda a cabeleira. Por isso, estamos deixando o cabelo baixinho. A gente deixa para ajustar, quando tudo isso for definido”, contou.