Braga rebate acusações de Secretário de Saúde esclarecendo que visitou hospital como senador para fiscalizar convênios federais

Braga hospital 1

Em resposta a uma nota enviada à imprensa – menos para o Radar que pelo jeito não faz parte da imprensa na lista do Governo – onde o secretário de Estado da Saúde, Wilson Alecrim, o acusa de estar fazendo campanha política dentro de hospital no interior, Eduardo Braga, lembrou ao secretário de Saúde que continua sendo senador da República, e como tal tem o direito, e o dever, de fiscalizar como estão sendo aplicados os recursos oriundos de convênios federais.

Braga hospital 4Braga, que esteve neste fim de semana em visita a dez municípios da calha do Alto Solimões, explica também através de nota que recebeu denúncias sobre o caos na saúde pública de vários municípios. “Em Jutaí (a 750 quilômetros de Manaus), moradores reclamaram que a unidade de saúde local está com o estoque de medicamentos deficiente, com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) inoperante, apesar de ter uma ambulância 0Km doada pelo Governo Federal, e com um mamógrafo encaixotado desde o mês de abril”, conta o senador.

Braga hospital 3

Ele diz ainda que, na condição de senador da República, esteve na referida unidade de saúde para averiguar a reclamação dos moradores e constatou que todas as denúncias são verdadeiras. “O senador foi recebido por funcionários que se prontificaram a falar sobre a situação precária do hospital de Jutaí”, esclarece a nota. Braga nega que em algum momento tenha inquirido servidores públicos sobre atos do Governo do Estado. “O senador teve uma conversa cordial com a diretora da unidade, a doutora Elionete Faria Trindade, e o diretor administrativo Sebastião Delson (como mostram as fotos em anexo)”, está escrito na nota enviada por Braga.

Braga hospital 2Braga conta que assim como aconteceu em Jutaí, encontrou mamógrafos encaixotados no município de Tonantins, no último sábado (26/07), e em Novo Aripuanã, no último dia 7 de junho. “Os fatos foram registrados em fotos e vídeos para que sejam tomadas as medidas cabíveis”. Ele diz que, em nenhum momento, enquanto esteve no Hospital de Jutaí, dentro de um órgão público, falou de campanha política, comentou sobre o pleito deste ano e nem pediu votos para a coligação.

“O senador Eduardo Braga deixa claro que, como agente público e líder do Governo no Senado, vai continuar a fiscalizar a prestação dos serviços públicos e a correta aplicação de recursos provenientes de convênios com o Governo Federal”, finaliza a nota.