Brasil fecha Grand Prix sem perder um set e conquista seu nono título

volei

Após três anos sem vencer o Grand Prix – a seleção dos Estados Unidos levou os três últimos títulos do torneio -,  a seleção brasileira de vôlei fez uma fase final perfeita, sem perder sequer um set, e conquistou seu nono título da competição. Ao vencer o segundo set, a festa já poderia ter começado, já que a seleção brasileira poderia até perder o jogo por 3 a 2 que já seria campeã. E, no terceiro set, parecia até que as meninas da seleção já tinham relaxado com a conquista do título, e se desligado do jogo, porque as chinesas chegaram a abrir quatro pontos de diferença.

Mas as meninas souberam esperar o final do jogo pra comemorar, e fecharam a partida, e a participação no torneio com mais um 3 sets a 0.  Depois de um jejum de três anos, o maior vencedor do Grand Prix voltou a se mostrar soberano na madrugada deste domingo. As brasileiras haviam vencido em 1994, 1996, 1998, 2004, 2005, 2006, 2008 e 2009.

Com o triunfo, o Brasil fecha o Grand Prix com uma campanha perfeita na fase final. Foram cinco jogos, cinco vitórias e nenhum set perdido, com 15 pontos no total. A China, que estava invicta até este domingo, encerra com 10 pontos, na segunda colocação. A Sérvia bateu a Itália na primeira partida do dia por 3 sets a 2 e garantiu a terceira colocação. Na partida que encerrou a competição, os Estados Unidos venceram o Japão por 3 sets a 2, parciais 17/25, 25/19, 18/25, 25/17, 15/12.