Anúncio Advertisement

Brumadinho contrata profissionais para atender vítimas da tragédia

A prefeitura de Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte, contratou 142 profissionais com formações diversas em saúde (psiquiatria, psicologia, terapia ocupacional, fisioterapia) e na área social (assistência social e direito) para atender as vítimas resgatadas com vida e os familiares das pessoas que morreram em consequência do rompimento da barragem da mineradora Vale no Córrego do Feijão.

As equipes iniciam treinamento na quinta-feira (7) após o feriado de carnaval.

Os profissionais de assistência humanitária foram selecionados por meio de concurso público da prefeitura, conforme determinação do Ministério Público do Estado de Minas Gerais.

O pessoal contratado será remunerado com recursos (R$ 2,6 milhões) repassados pela Vale à Prefeitura de Brumadinho. Além do atendimento à saúde e assistência social, os recursos podem ser utilizados na compra de equipamentos para atendimentos emergenciais.

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais permanece trabalhando na lama de rejeitos da mineradora Vale, fazendo buscas com escavadeiras convencionais e anfíbias, tratores, pás carregadeiras e caminhões para a retirada da lama. Segundo os bombeiros, algumas escavações chegam a 20 metros de profundidade.

A Defesa Civil de Minas contabiliza, até o momento, 186 mortos na tragédia. Todos identificados.