Cabos eleitorais são presos com mais de R$ 4 mil e santinhos do candidato Rosinaldo Bual

Foto: Divulgação

Três pessoas foram presas por suposto crime eleitoral após serem flagradas pela polícia com mais de R$ 4 mil que seriam utilizados para a compra de votos na capital para o candidato a vereador Rosinaldo Bual (PMN). A ação foi realizada por policiais da 8° Companhia Interativa Comunitária, nesse sábado (14), no bairro Compensa.

Identificados somente como Ribamar Araújo Ladislau de 49 anos, J.L, de 38 e E.S.A de 42 anos, os acusados foram flagranteados após a equipe de patrulhamento receber uma denúncia anônima informando que na rua São João havia um veículo modelo ‘Jeep Renegade’ de cor vermelha, que provavelmente estaria cometendo crime eleitoral de compra de votos. Ao chegarem no local os policiais constataram a ação criminosa.

Só com o acusado Ribamar Araújo, foi apreendida a quantia de R$4.087,00. Além disso, no veículo também foram encontrados diversos santinhos do candidato a vereador Rosinaldo Bual e um telefone celular modelo iPhone 7 Plus.

Após a ação, os três acusados foram conduzidos para o o 19° Distrito Integrado de Polícia (DIP) onde foi aberto um inquérito policial que deverá ser enviado para o Ministério Público Eleitoral (MPE).