Câmara aprova gratuidade no transporte público para dia da eleição

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou, por unanimidade de votos, na manhã desse sábado (06) a gratuidade das tarifas do serviço público de transporte na capital, no primeiro turno das eleições, neste de domingo (7). A gratuidade vai custar aos cofres do município R$ 6, 4 milhões, por turno.

De acordo com o texto aprovado pela CMM, a gratuidade não vale para os microônibus que atuam no sistema de transporte de Manaus nos modais Alternativo e Executivo.

Dos 41 vereadores, 36 atenderam a convocação feita pelo presidente da Casa, Wilker Barreto (PHS) e compareceram à sessão extraordinária que começou às 11h e terminou antes do meio dia. Estavam ausentes os vereadores Chico Preto (PMN), Dallas Filho (MDB), Dr. Daniel Vasconcelos (PMN), Jaildo dos Rodoviários (PCdoB), Júnior Resgate (PDT) e Professor Fransuá (PV).

“A CMM cumpri o seu papel de facilitar e consolidar a democracia na capital. Vou levar em mãos, de forma física, o documento para a Prefeitura ”, afirmou o presidente da Câmara, vereador Wilker Barreto.

Segundo o presidente da Câmara, para evitar o pagamento de hora extra aos servidores da Câmara que trabalharam neste sábado, não haverá sessão ordinária na próxima quarta-feira (10).

A reunião extraordinária foi acompanhada pelos representantes do Comitê Estadual de Combate a Corrupção e ao Caixa Dois nas eleições de 2018, entidade que ingressou com ofício junto ao Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE) com objetivo de disponibilizar ônibus gratuitamente ao eleitor manauara.

Com informações da CMM.