Anúncio Advertisement

Câmara institui a semana de combate à violência doméstica e o suicídio em Manaus

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou nessa terça-feira (11), o Projeto de Lei nº 256/2017 que cria no calendário oficial da cidade a realização de uma semana dedicada ações de combate e prevenção à violência domestica e o suicídio. O projeto seguiu para sanção do prefeito Arthur Virgílio Neto (PSDB).

De acordo com o PL, de autoria dos vereadores Jaildo dos Rodoviários (PCdoB) e Professor Samuel (PHS), durante a semana, denominada “Quebrando o Silêncio”, serão realizadas ações que possam contribuir para ajudar as vítimas de violência doméstica a denunciar seus agressores e também conscientizar a população para necessidade de quebra do ciclo da violência, de maneira. Serão realizadas palestras, passeatas, fóruns, panfletagens e outras atividades.

A proposta de realização da semana de combate a violência doméstica e suicídio foi inspirada em projeto da Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD), que é promovido anualmente, desde 2002, em cerca de oito países da América do Sul.  De caráter educativo e preventivo o projeto “Quebrando o Silêncio” tem por objetivo orientar as vítimas, por meio de ajuda, com apoio necessário de órgãos competentes, desenvolvendo atividades voltadas ao tema nas escolas e nos órgãos de assistência social.

Com informações da Diretoria de Comunicação da Câmara.