Candidato derrotado em Coari consegue no TRE realização de novas eleições no município

Foto: Reprodução TRE

A coligação “Ficha limpa por Coarí”, do candidato Robson Tiradentes (PSC), sobrinho do empresário Ronaldo Tiradentes, conseguiu no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) a anulação da candidatura do prefeito de Coari, Adail Filho (PP), que foi reeleito nas urnas com 22.220 votos (59,45%), derrotando Robson que obteve apenas 8.871 votos (23,74%).

O registro de candidatura de Adail Filho foi cassado por unanimidade pelos desembargadores eleitorais, nesta sexta-feira (18), em sessão que teve a participação do apresentador de programa de rádio e advogado, identificado na videoconferência do TRE, como Doutor Ronaldo Tiradentes, que fez a defesa do próprio sobrinho.

A alegação do candidato derrotado em Coari para a anulação do registro de candidatura de Adail Filho é que ele não poderia ser candidato por se tratar do terceiro mandato do mesmo núcleo familiar.

Além de cassar a candidatura, o relator desembargador Marcos Costa votou pela realização de novas eleições no período de 30 a 40 dias, o que foi acompanhado pelos desembargadores Sabino Marques, Fabrício Marques, Giselle Pascarelli e Aristóteles Thury, presidente da Corte Eleitoral.

A decisão ainda cabe recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).