Capitães de seleções recusam convite para reunião com Bolsonaro

Bolsonaro e Rogério Caboclo em encontro em Brasília — Foto: Marcos Corrêa/PR

Na noite desse sábado (13) ocorreu uma reunião do Conselho da Conmebol na qual discutiram-se as ameaças à realização da Copa América, torneio que tem como data de início o próximo dia 13 de junho.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) participou do encontro por alguns minutos e reafirmou a disposição de seu governo em colaborar na organização do torneio.

Capitães de dez seleções participantes foram sondados para participar, mas recusaram-se. Dirigentes de Uruguai e Argentina também relataram que seus atletas resistem a participar do torneio.

O representante do Brasil na reunião foi Rogério Caboclo, presidente da CBF. Caboclo foi denunciado nessa semana em órgãos internos da entidade por assédio sexual e vem sofrendo pressões para renunciar ao cargo.