Capitão do Manaus FC, Paulão alerta: ‘jogo de 180 minutos’

Um dos atletas mais experientes e regulares no elenco do Manaus FC na temporada, o zagueiro Paulão alerta para a dificuldade que será a partida contra o Santos-AP, neste domingo (3), a partir das 18h (de Brasília), no estádio Zerão, em Macapá.

“É uma dificuldade enorme e todos conhecem. Agora são menos da metade das equipes que iniciaram a competição, então é foco total. O Santos se classificou com méritos, com um resultado elástico na última partida e nós viemos na nossa regularidade. Queremos muito, então vamos procurar mais informações do adversário até a hora do jogo, buscar um resultado importante e trazer a decisão para casa”, comentou o capitão do Gavião do Norte.

Para o zagueiro que faz dupla com Deurick na defesa, o grupo deve ficar atento para o desafio. Para ele, todo cuidado é pouco porque se trata de um “jogo de 180 minutos”. Equilíbrio é a palavra-chave.

“Como eu conversei com os colegas, tem que estar sempre num bom dia, sempre equilibrado porque é um jogo de 180 minutos. Você não pode achar que está tudo ganho na primeira partida assim como não pode pensar que está tudo perdido. A intenção maior é manter o equilíbrio e buscar na nossa na parte defensiva sofrer o mínimo de gols, o que nos credencia a vencer os jogos e passar de fase”, advertiu o capitão do clube bicampeão amazonense.