Casa Militar de Amazonino gastou mais de R$ 20,8 milhões com “transporte de autoridades” em pleno ano eleitoral

Só neste ano, o governador Amazonino Mendes pagou, por meio da Casa Militar do Estado mais de R$ 20,8 milhões para empresas que prestam serviços de locação de aeronaves, veículos e embarcações destinados ao “transporte e segurança de autoridades”, de acordo com o portal da transparência. Segundo os dados levantados pelo Radar, a Rico Táxi Aéreo Ltda foi a empresa que mais recebeu neste período, com R$ 8,2 milhões – será coincidência que todo final de semana o governador vai a um ou mais de um município do interior?

E quanto mais os meses do início do ano foram passando e as eleições ficando mais próximas, o governo foi gastando mais com fretamento de aeronaves, veículos e embarcações. No portal consta que os pagamentos se referem às despesas realizadas para a contratação de serviços de aluguel de diversos tipos de aeronaves, como: tipo Bimotor Turbo Fan, tipo Bandeirantes Bimotor e tipo Monomotor Gran Caravan. Só em junho, a Rico recebeu mais da metade desse montante, quando a Casa Militar realizou três pagamentos que somam R$ 4,9 milhões. No dia 28 do mês passado, foi realizado o maior deles com R$ 2,1 milhões.

Já a Manaus Aerotaxi Participações Ltda recebeu R$ 3,7 milhões de janeiro a início de julho deste ano, e figura como a segunda empresa que mais recebeu da Casa Militar. Em um único dia (14 de junho) foi creditado R$ 1,2 milhão na conta da empresa. De acordo com o portal de transparência, a Manaus Aerotaxi prestou serviços de locação de aeronaves tipo Caravan Anfíbio, tipo Bandeirante Bimotor Turbo Hélice, tipo Monomotor Caravan e até tipo utilitário executivo.

Para despesas com a locação de veículos diversos para suprir as necessidades da Casa Militar, o Executivo pagou o total de R$ 2,2 milhões para a empresa V M S Amore nos seis primeiros meses do ano. Dados do próprio Governo mostram que apenas no dia 21 de março, foram feitos cinco (5) pagamentos à empresa, somando R$ 1,7 milhão. Outra empresa, Tecway Serviços de Locação de Equipamentos LTDA/EPP que também aluga veículos tipo viatura para a Secretaria de Segurança Pública (SSP), recebeu a cifra de R$ 1,2 milhão da Casa Militar.

Mas os gastos de locomoção de “autoridades” no Governo de Amazonino não ficam só com carros e aviões. O Governo também está pagando fatura milionária para aluguel de embarcações. O site transparência mostra que a Casa Militar pagou para uma única empresa o valor de R$ 2,8 milhões pela prestação de serviços referentes a locações de embarcações. E o mais espantoso nessa história – pra não dizer coisa pior, tá meu povo! – é que a tal empresa identificada como Iomar C de Oliveira, de CNPJ 04.769.766/0001-96 e proprietário de mesmo nome, conforme mostra o portal da Receita Federal, tem como atividade principal o ramo de artigos fotográficos e filmagem.

Coincidentemente – será, minha gente? – pouco mais de três meses antes de uma eleição e no mês que antecede as convenções partidárias (junho) se concentra o maior volume dos pagamentos da Casa Militar quando somam R$ 10, 4 milhões. E, enquanto no sistema público de saúde falta ambulância para transportar os pacientes, as “autoridades” são transportadas num jatinho executivo. E a gente paga a conta!