Chefe de facção criminosa acusado de ameaçar PMs no AM morre após troca de tiros

Apontado como um dos líderes de uma facção criminosa e integrante da lista dos 15 mais procurados do Ceará, Enilton Cordovil Coelho, o ‘Roleta’, foi morto na tarde desta quinta-feira (21), durante uma operação deflagrada pela equipe de investigação do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), no interior do Estado do Sergipe. Houve troca de tiros e Enilton teria sido atingindo, mas a caminho do hospital veio a óbito.

Segundo o diretor do DRCO, delegado Rafael Allemand, ‘Roleta’ era alvo da operação ‘Contra-Ataque’, deflagrada no último dia 14 de maio, na capital. Ele estava atuando no Amazonas como um dos líderes de uma facção criminosa é coordenava as ameaças aos policiais militares que atuam na área do bairro Compensa, Zona Oeste, além de organizar as fugas de detentos dos presídios da capital.

Procurado

Bastante conhecido e temido no mundo do crime, Roleta era considerado um criminoso de alta periculosidade é tinha escapado de dois sistemas prisionais do Amazonas e Ceará. Com isso ele passou a integrar a lista dos 15 mais procurados nos Estados.