Cleinaldo Costa se reelege e vai ficar nove anos no comando da UEA

Com uma “fórmula” determinada por decreto assinado pelo governador Amazonino Mendes e respaldada juridicamente pelo desembargador Flávio Pascarelli, e aprovada por um Conselho Universitário presidido por ele próprio, o Magnífico Reitor Cleinaldo Costa foi reeleito nessa quarta-feira (11) ao cargo de reitor da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). De acordo com a apuração realizada pela Comissão Eleitoral Geral, a chapa 14 formada ainda pelo vice Cleto Cavalcante de Souza Leal teve 74,96% dos votos válidos. Em segundo lugar, ficou a chapa dos professores Lúcia Marina Puga Ferreira e Raimundo de Jesus Teixeira Barradas, com 17,36%, seguidos de Ricardo Lima Serudo e Carlossandro Carvalho de Albuquerque, com 7,68%.

O resultado final da eleição será homologado nesta sexta-feira (13), atendendo ao período para recursos, conforme o edital, recursos que versam sobre irregularidades exatamente no cumprimento do Edital, como por exemplo, na lista de eleitores aparecerem nomes de última hora que não estavam antes – mas até dá pra prever que os recursos serão recusados, né gente?

O Magnífico Reitor, agora reeleito, vai chegar a nove anos no comandando da instituição de ensino superior estadual. Ele terá agora mais quatro anos, de 2018 a 2022.

Segundo a reitoria, a eleição teve o apoio do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), que além de treinamento, disponibilizou 38 urnas eletrônicas para a capital e para os maiores centros do interior. A votação ocorreu na Reitoria, nas cinco Escolas Superiores de Manaus, nos seis centros de Estudos Superiores e nos 13 Núcleos de Estudos Superiores, totalizando 53 seções eleitorais.

Segundo a UEA, o total de alunos votantes foi de 5.646 neste ano. Já o de professores e técnicos foi de 780 e 530, respectivamente