Com apenas 18 anos, "Caveirinha" é acusado de homicídio e foi preso por tráfico de drogas

caveirinha 1

Lucas Matheus da Siva, 18 anos, é conhecido por Luquinha ou “Caveirinha” e foi preso sob acusação de tráfico de drogas, além de estar sendo investigado por homicídio. Ele foi preso no município de Iranduba, distante 27 quilômetros em linha reta de Manaus, por policiais da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), por volta das 8h30 da manhã desta segunda-feira (17),

O rapaz vinha sendo investigado pelas equipes da Delegacia Interativa de Iranduba por homicídio. Ele é apontado como autor da morte de Iank Jefferson Nascimento da Cruz, 19, ocorrida por volta das 19h, no bairro Morada do Sol, em 1º de novembro deste ano.

“Caveirinha” foi preso em via pública, na rua Abacaxi, bairro Alto, após os policiais receberem denúncia anônima informando que ele estava transitando pela rua, portando uma arma de fogo. Na abordagem, os investigadores encontraram com ele 16 porções de substância entorpecente com aspecto de pasta base de cocaína.

Durante as oitivas na Delegacia de Polícia, Lucas confessou a autoria do homicídio. O Delegado Titular Paulo Mavignier, informou durante coletiva de imprensa realizada na tarde de hoje, como se deu a ação que resultou na prisão do rapaz e a motivação do crime.

“Conseguimos prendê-lo em flagrante com uma quantidade razoável de drogas após uma denúncia anônima. Ele e a vítima faziam parte da mesma facção criminosa que era comandada pelo traficante de nome Pezão, que foi morto em confronto com a polícia militar no dia 27 de outubro. Surgiram rumores que a vítima teria informado para a polícia onde estaria o traficante, e por conta disso, decidiu se vingar de Iank. Ele confessou com riqueza de detalhes o crime e não se mostrou arrependido”, informou Mavignier.

O Delegado Plantonista, Jeff David MacDonald, informou que na ocasião do homicídio, as equipes estavam realizando diligências no Distrito de Cacau Pirêra, quando fomos informados do crime e as equipes foram deslocadas ao local do fato para realizar os procedimentos. “Realizamos todos os levantamentos de informações no local do crime, tomamos os termos de declarações das testemunhas, todas foram enfáticas em apontar como autor o Lucas”, ressaltou o Delegado.

Lucas foi autuado em flagrante por tráfico de drogas (Artigo 33 da Lei 11.343/06) e também foi indiciado por homicídio (Artigo 121 do CPB). Ele segue preso na carceragem da unidade de polícia onde aguardará decisão da Justiça.