Comitê discutirá combate as mortalidades materna, infantil e fetal em Manaus

O Comitê de Prevenção do Óbito Materno Infantil e Fetal (CMPOMIF), apoiado pela da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), discutirá, na próxima terça-feira (5), das 8h30 às 12h, o combate ao óbito materno, infantil e fetal na Rede Materno-infantil do município. O evento ocorrerá na Universidade Paulista (Unip), situada na avenida Mário Ypiranga, Parque 10 de Novembro, zona Centro Sul da cidade.

Na ocasião, serão discutidos temas como o acompanhamento de melhorias na Rede Materno-infantil, com enfoque na ‘causa raiz’ dessa mortalidade.

“O trabalho do comitê é importante porque subsidia os gestores de saúde municipal, estadual, privada e militar trazendo levantamento de informações inerentes, entre elas as avaliações dos óbitos maternos e infantis para direcionamento de ações corretivas e apoio às unidades executantes da assistência materno-infantil”, explicou a presidente do comitê, enfermeira Sonja Farias.

Dados

Levantamento realizado pelo comitê aponta que, em Manaus, no ano de 2018, foram registrados 35 óbitos maternos, distribuídos nas diversas zonas da cidade, tendo como principais causas hemorragia, infecção e hipertensão. E a taxa de mortalidade infantil até novembro/2018 foi de 14,29 por mil nascidos vivos.

A presidente do Comitê destaca que ações de prevenção de óbitos maternos e infantis serão intensificadas ao longo de 2019, visando reduzir os índices atuais.