Como Juliette chegou ao 1º lugar no iTunes em 63 países graças a plano de fãs e doações via PIX

Perfis no Twitter e Instagram pedem doações em PIX para fãs e doam dinheiro para que pessoas de fora do Brasil façam download das músicas da cantora

Foto: divulgação

Os recordes de Juliette no iTunes, serviço de download de música da Apple, têm por trás um plano bem definido e executado pelos cactos, como são chamados os fãs da cantora. A vencedora do BBB 21 conseguiu o primeiro lugar em mais de 60 países entre janeiro e maio deste ano.

g1 conversou com a equipe do Juliette Charts, o principal perfil responsável pelas ações que levam músicas da cantora ao topo do iTunes.

No Twitter e no Instagram, eles pedem doações por PIX e fãs da cantora enviam entre R$ 1 e R$ 10. Toda quantia arrecada, cerca de R$ 3 mil para cada música escolhida, é transferida para pessoas que vivem fora do Brasil, membros de fã-clubes parceiros ou fãs da própria Juliette.

Esses parceiros e parceiras recebem o dinheiro e compram a música no iTunes. Procurado pelo g1, o iTunes não quis comentar a ação dos fãs.

Os fãs, claro, gastam o dinheiro arrecadado para conquistar o maior número de territórios com o menor investimento possível, como se estivessem jogando “War”.

“Tem países que são supersimples pegar #1 e outros bem difíceis”, conta Victor Martins, um dos fãs que comanda o Juliette Charts. Por isso, é normal ver países listados como Bahamas, Honduras, Guatemala, Estônia, Moldávia, Sri Lanka ou São Cristóvão e Névis.

Mas os cactos não ligam, um primeiro lugar é contabilizado de qualquer forma, seja ele em países maiores e de rankings mais concorridos (Argentina, Brasil, Portugal, Egito, México e Suécia) ou menos disputados (Uganda, Micronésia, Chipre, Namíbia, Moldávia, Gâmbia e Omã).

Primeira música composta por Juliette, o piseiro “Cansar de Dançar” foi lançado na semana passada e conseguiu o primeiro lugar em 46 países.

Infográfico: G1