Anúncio

Confirmação de vagas na rede municipal de ensino vão até segunda-feira

Até essa sexta-feira (19), quase 18 mil vagas na rede municipal de ensino ainda não estão efetivadas. Pais e responsáveis de estudantes que já fazem parte da rede municipal de ensino ou que fizeram matriculas para novos alunos têm só até esta segunda-feira, 22/1, para se dirigirem às escolas indicadas e confirmar as matrículas. Caso não realizem a confirmação, a matrícula não será efetivada e a vaga retornará ao sistema, ficando livre para ser preenchida por um novo aluno.

Para confirmar a vaga, devem ser entregues na escola certidão de nascimento do estudante (original e cópia), duas fotos 3×4, cartão de vacinação, além de original e cópia dos documentos de identificação (CPF e RG) dos pais ou responsável. A rede municipal terá em 2018 capacidade de atendimento de 270 mil alunos e já tem matriculados quase 224 mil estudantes.

As escolas municipais das zonas Leste e Norte de Manaus, as mais populosas da cidade, são também as que mais têm vagas sem confirmação. Na zona Leste, 6.721 alunos ainda precisam fazer a confirmação da vaga, para garantir os estudos em 2018. Já na zona Norte, são 3.299 matrículas pendentes.

Desde o dia 6/1, foram realizados mais de 70 mil atendimentos de transferência e matrículas de alunos da Educação infantil, Ensino Fundamental, Educação de Jovens e Adultos (EJA) e Educação Especial, feitos pelo site www.matriculas.am.gov.br, aplicativo ‘Matrículas Amazonas’ e presencialmente nas unidades de rede pública de ensino.

O reordenamento é o encaminhamento do aluno para outra escola, por não haver continuidade do ensino na unidade onde ele finalizou o ano letivo. Em 2018, aproximadamente 19.512 mil crianças que estavam na Educação Infantil vão ingressar no 1º ano do Ensino Fundamental.

A transferência pode ser solicitada pelo estudante que já faz parte da rede, ou que está ingressando agora em uma escola municipal e que desejem estudar em unidade diferente da que foi escolhida durante o reordenamento ou no momento da matrícula, observando a disponibilidade de vagas.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Semed

Texto: Martha Bernardo / Semed