Construção de policlínica na zona rural é meta de Hissa Abrahão

Hissa entrevista

Durante entrevista a uma rádio local na manhã desta quarta-feira (31), o prefeiturável da coligação “Novas Ideias, Novo Caminho” (PDT/PSDC), Hissa Abrahão, afirmou que a falta de acesso aos serviços de atendimento básico de saúde compromete a qualidade de vida da população que habita a zona rural. Ele pretende criar uma policlínica e uma Unidade Básica de Saúde Fluvial (UBS/Fluvial) para atender os moradores das localidades mais distantes da capital.

Hissa afirmou ainda que viu de perto a situação de algumas comunidades e constatou a deficiência no atendimento dos postos de saúde básica na zona rural para oferecer preventivos, para acompanhar o tratamento de doenças e até fazer pré-natal. “A rede básica de saúde na zona rural foi esquecida. Se essa assistência primária funcionasse como deveria, especialistas dizem que 80% dos pacientes em Manaus não teriam as doenças agravadas. A ideia é implantar uma policlínica para atender a zona rural que tanto sofre com a ausência do poder público”, explicou o candidato.

Segundo Hissa, a prefeitura vai criar uma UBS fluvial para atender as comunidades rurais ao longo do rio Negro. “São mais de 23 comunidades que estão desassistidas. As ambulanchas da prefeitura não funcionam. Os moradores passam horas esperando por atendimento. Os postos de saúdes não têm profissional de saúde e tampouco remédio. Ou seja, se um morador estiver doente, ele tem de vir às pressas para a capital ser tratado. A UBS fluvial vai percorrer as comunidades levando assistência e prevenindo doenças”, disse.

IBGE Com a população de 2.094.391, de acordo com estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Manaus concentra cada vez mais moradores na zona urbana. Já são 80,5% de pessoas que moram no Centro e bairros no entorno, contra somente 19,5% na zona rural. De 2009 para 2011, 148 mil pessoas incrementaram a população urbana e 36 mil foi a redução de moradores do meio rural, conforme a pesquisa do órgão. “A maioria dessas pessoas se vê obrigada a deixar seus terrenos na zona rural por falta de estrutura no serviço de saúde, educação de qualidade e agricultura. Isso precisa ser revisto. Esta é uma das nossas propostas”, finalizou Hissa Abrahão.

Agenda: 01/09/2016

7h – Entrevista à Rádio Amazonas FM;

16h – Caminhada no bairro Lírio do Vale;

18h – Panfletagem na avenida Joaquim Nabuco (Uninorte;

20h – Compromisso com a Base.

Texto e Fotos: Assessoria do candidato