Contas do governo têm primeiro resultado positivo em oito meses

dilma 25O Governo brasileiro fechou as contas em azul pela primeira vez desde abril do ano passado. O superávit de R$ 14,8 bilhões foi divulgado nesta quinta-feira (25) em um balanço feito pelo Tesouro Nacional.

O resultado positivo aconteceu devido às novas receitas extraordinárias obtidas pelo leilão de hidrelétricas. O número representa um crescimento de 29% em relação ao mesmo período do ano passado.

No total, a receita líquida do governo central somou R$ 123,967 bilhões em janeiro, crescimento real de 6,3% sobre igual mês de 2015. No mesmo período, as despesas totais subiram 3,8%, a R$ 109,132 bilhões.

Com isso, o governo central conseguiu encerrar o mês fazendo economia para o pagamento de juros da dívida pública, apesar do declínio da arrecadação com impostos em meio ao cenário de forte recessão econômica e baixa confiança dos agentes econômicos.

O secretário do Tesouro Nacional, Otávio Ladeira, frisou que o governo está trabalhando fortemente a respeito de medidas que serão apreciadas pelo Congresso. Entre elas, estão um novo indicador fiscal a ser perseguido pelo governo, um limite superior para despesas e um conjunto de medidas referente à renegociação da dívida dos Estados.

— Vamos trabalhar fortemente para reverter a situação fiscal. (…) Ao aprovar medidas no Congresso, acreditamos que agências [de risco] vão ter visão muito positiva das mudanças— disse Ladeira.

O novo dirigente do Tesouro preferiu não comentar as projeções do governo para o resultado primário nos próximos meses .

— (Prefiro) esperar os resultados.

Segundo o economista da gestora William Michon Júnior, o resultado foi afetado pelos R$ 11 bilhões obtidos com outorga da concessão de 29 usinas hidrelétricas, que geraram cerca de R$ 11 bilhões aos caixas públicos no mês passado e, assim, não há uma melhora estrutural.

— Não é um sinal animador. Nos próximos meses devemos ter ajustes para baixo nesse número.

Fonte: R7