Contas do prefeito de Tapauá são postas em julgamento pelo TCE

Conselheiro-Ary moutinho (1)

 

O pleno do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) aprecia na sessão ordinária desta quarta-feira (28), às 9h, um total de 18 processos, entre eles oito prestações de contas de gestores municipais e do Estado.

As contas do prefeito de Tapauá, Almino Albuquerque, do ano de 2007, que é alvo de denúncias de moradores e estudantes tapauaenses residentes em Manaus, serão julgadas pelos conselheiros. O relator do processo, conselheiro Ari Moutinho (foto), havia anunciado aos manifestantes que estiveram no TCE, na semana passada, que o processo seria julgado na 34ª sessão ordinária.

As contas da ex-prefeito de Atalaia do Norte, Anete Pinto (de 2010); do ex-secretário municipal de Assistência Social, Sildomar Abtibol (de); e do ex-secretário de Estado de Saúde e Lazer, Júlio César Soares, também estão na pauta desta quarta-feira.

O secretário municipal de Limpeza Pública, Paulo Rocha Farias; e o ex-prefeito de Itacoatiara, Antônio Peixoto, estão entre os sete gestores que ingressaram com recursos no TCE-AM na tentativa de reverter decisões desfavoráveis aplicadas pelo colegiado. A sessão ordinária acontece no plenário do TCE-AM, no segundo andar do prédio anexo.