Coritiba busca novo passo rumo ao acesso e Cruzeiro quer manter sonho na Série B

Reprodução

Coritiba e Cruzeiro se enfrentam nesta sexta-feira, às 21h30, no Estádio Couto Pereira, pela 29ª rodada, em jogo que poderia ser muito bem de Série A do Campeonato Brasileiro. A realidade, porém, é a Série B. Enquanto os paranaenses querem dar outro passo rumo ao acesso, os mineiros tentam manter o sonho vivo, mesmo distantes do bloco de cima.

“Eu tenho adversários com muito mais possibilidades de ascender à Primeira Divisão do que nós. Existe uma possibilidade pequena, mas existe. Enquanto tiver essa possibilidade pequena, no futebol tudo pode acontecer”, analisou o técnico Vanderlei Luxemburgo, do time mineiro.

Invicto há sete jogos – quatro vitórias e três empates – após empatar sem gols com o Remo, o Coritiba lidera com 54 pontos, quatro a mais do que o vice-líder e seis a mais do que o quinto colocado. O Cruzeiro, por sua vez, superou o lanterna Brasil-RS por 2 a 0, e chegou ao modesto 12º lugar, com 35 pontos, a cinco da degola e a 13 da zona de acesso.

No Coritiba, Gustavo Morínigo terá o retorno de dois veteranos: o zagueiro Henrique e o meia Robinho. Os dois estavam suspensos no empate sem gols diante do Remo. Henrique pega a vaga de Wellington Carvalho, enquanto Robinho coloca Val no banco. Já o atacante Waguininho, com desconforto na coxa, segue como dúvida.

No Cruzeiro, Luxemburgo terá a volta do experiente volante Rômulo, poupado na rodada passada por conta de um desgaste muscular. O atacante Wellington Nem, por outro lado, ficou em Belo Horizonte para realizar trabalhos físicos. O volante Flávio, com uma lesão muscular na coxa direita, o meia Marcinho, com um incômodo no pé direito, e o atacante Marcelo Moreno, servindo à seleção boliviana, também seguem fora.

“Temos um bom time e temos totais condições de ir lá em Curitiba e fazer os três pontos. Confio bastante na nossa equipe e tenho certeza que vamos fazer um grande jogo e buscar os três pontos”, disse o meio-campista Lucas Ventura.

VILA NOVA X REMO – Eles se enfrentam nesta sexta-feira, às 19 horas, no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga (OBA), em Goiânia. Invicto há quatro jogos, o clube goiano é o 14º colocado, com 34 pontos. Na última rodada, empatou com a Ponte Preta por 1 a 1, enquanto o Remo ficou no 0 a 0 com o Coritiba. O time paraense não perde há três jogos e ocupa a décima posição, com 38 pontos.

No Vila Nova, o técnico Higo Magalhães não terá o suspenso Willian Formiga. Bruno Collaço deve pegar a vaga. No ataque, Pedro Junior, autor do gol diante da Ponte Preta, pode ser uma das novidades.

No Remo, o técnico Felipe Conceição não poderá contar com o zagueiro Marlon, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O zagueiro Rafael Jansen e o atacante Victor Andrade, por outro lado, retornam após cumprirem suspensão.