Corregedoria da SSP-AM vai apurar supostas agressões da PM em confusão no aniversário de Atalaia do Norte

O caso aconteceu durante a festa de aniversário de Atalaia do Norte, interior do Amazonas

Foto: Reprodução

A Corregedoria-Geral da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) informou nesta sexta-feira (25) que vai levantar detalhes sobre a confusão generalizada que aconteceu no município de Atalaia do Norte (a 1.136 quilômetros de Manaus), durante a festa de comemoração do aniversário da cidade.

Pelo menos 30 pessoas tiveram ferimentos leves após a reação da polícia, que segundo a Prefeitura de Atalaia do Norte, usou métodos radicais para impedir a confusão no local. “Houve atos de agressão física, moral, de intimidação e terror praticado pelos policiais”, disse a prefeitura.

Em nota, a SSP-AM tomará todas as providências cabíveis para investigar a participação de policiais militares relacionados aos vídeos e imagens divulgados. Caso a informação seja confirmada, todas as medidas legais cabíveis serão tomadas para apurar as condutas dos servidores envolvidos.

Seguindo exemplo da Prefeitura de Atalaia do Norte, a Corregedoria-Geral ressalta que “órgãos do Sistema de Segurança Pública não compactuam com desvios de conduta de seus integrantes e que está à disposição da sociedade amazonense para receber  denúncias desse tipo”.

Entenda o caso

O fato aconteceu na madrugada de quinta-feira (24), na praça de alimentação, que fica no Centro da cidade. Diversos homens iniciaram uma discussão, logo em seguida, começaram a se ameaçar com pedaços de madeira e pedras.

Após a briga tomar grandes proporções no local, policiais militares foram acionados para tentar intervir no confronto, onde acabaram tendo  as viaturas depredadas, no momento em que tacavam balas de borracha contra os cidadãos.

Em nota, a Polícia Militar somente esclareceu que irá apurar os fatos ocorridos. A reportagem procurou o Ministério Público do Estado (MPE-AM) para falar a respeito da ocorrência e aguarda uma resposta.