Crianças amazonenses escrevem cartas sobre a pandemia para participar de concurso na Suíça

Foto:Divulgação (obs.: registro da turma feito antes da pandemia)

O Concurso Internacional de Redação de Cartas para Jovens, contará com a participação dos alunos do 5° ano, da Escola de Tempo Integral (EETI) Machado de Assis, da zona Sul de Manaus. As crianças foram incentivadas a expressaram no papel as experiências vividas na pandemia, para o 50º Concurso Internacional de Redação de Cartas, dos Correios. O concurso é promovido anualmente pela União Postal Universal (UPU), sediada em Berna, na Suíça.

O objetivo da iniciativa é fomentar a escrita e a alfabetização, incentivando a expressão da criatividade e o desenvolvimento dos conhecimentos linguísticos de crianças e adolescentes. Participam estudantes de até 15 anos de idade, previamente selecionados nas etapas nacionais.

O tema deste ano é “Escreva uma carta a um familiar, contando sobre sua experiência da Covid-19”. Os alunos Juan Wagner Bandeira e Natanael Costa, ambos da turma 4, do 5º ano, foram os selecionados para representar a EETI no concurso. A professora Ana Cleide Sousa foi a responsável pela orientação e correção das redações.

“Foi um trabalho opcional para os alunos, alguns se dedicaram e se destacaram. Um deles escreveu para o pai, que mora no Pará, contando como está aqui em Manaus, e o outro [escreveu] sobre a dificuldade de ficar em casa, de não poder sair para jogar bola, soltar pipa. São cartas simples, da visão deles, mas maravilhosas”, diz a professora.

Ana Cleide explica que todo o processo de orientação foi realizado virtualmente, por meio de mensagens e vídeos com os estudantes e os pais, que também participaram da elaboração das redações.

Na última semana, os dois alunos selecionados foram à EETI para transcrever os textos, que foram enviados para os Correios. O atendimento na escola seguiu todas as normas de segurança em saúde, como uso de máscara, higienização e distanciamento.

A primeira melhor redação de cada estado segue para a fase nacional, onde serão selecionadas as três melhores cartas. A primeira colocada irá representar o Brasil na fase internacional. O Brasil é o segundo país melhor colocado em âmbito internacional, atrás apenas da China.

*Com informações da Secom*