Crianças de Borba estão há três meses sem merenda escolar, denuncia deputada

As crianças do município de Borba estão há três meses sem merenda escolar. A denúncia foi feita pela deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB) nessa quinta-feira (14), da tribuna da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam). Essa não é a primeira vez que a parlamentar reclama da falta de merenda escolar em Borba – e euzinha pergunto: cadê o Ministério Público que não toma uma providência?

Num duro pronunciamento, Alessandra disse que a falta de merenda escolar em Borba já virou caso de polícia e que levará o caso ao conhecimento do Ministério Público Federal (MPF) e da Polícia Federal. “Os gestores estão dando um jeito, tirando de onde não tem para comprar merenda escolar, fazendo cota”, contou a deputada.

Além desse problema, Alessandra também criticou a falta de compromisso da prefeitura com os profissionais da Educação.“E o que é pior: os professores estão lá sem receber um terço de férias que ia sair em março, depois em abril, depois em maio e hoje a gente está em junho e o dinheiro não sai”, completou a parlamentar.

Alessandra informou que levará o descaso com os estudantes de Borba ao conhecimento do MPF e da PF, pois o recurso da merenda escolar vem do Ministério da Educação. No encerramento do seu discurso, a deputada desafiou o prefeito da cidade.

“Chega de brincar com o dinheiro público. Borba, mês que vem estou voltando aí, e se não tiver merenda nas escolas o pau vai comer”, avisou Alessandra.

Fonte: Assessoria de Comunicação da deputada