Cursinho pré-vestibular da Seduc muda de endereço a partir deste sábado (17)

O cursinho de pré-vestibular Conquistar, da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-AM) transferiu o polo em duas escolas na zona norte de Manaus para novas unidades de ensino, a partir deste sábado (17). Os novos endereços são na Escola Estadual de Tempo Integral (Eeti) Marcantônio Villaça 2 (CMPM 2) e no Centro Educacional de Tempo Integral (Ceti) João dos Santos Braga.

O cursinho é um preparatório para o vestibular da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e para Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), com início a partir das 8h30. A mudança aconteceu para facilitar o acesso dos alunos da rede pública de ensino às aulas especiais

As escolas substituem o Ceti Zilda Arns Neumann e a Escola Estadual Professor José Bernardino Lindoso. Semanalmente, a iniciativa da Seduc-AM tem atendido em torno de 2.600 estudantes, somente na capital amazonense. O Conquistar é transmitido para todo o interior do estado, por meio do Centro de Mídias de Educação do Amazonas (Cemeam).

Lançado no dia 3 de agosto, em sete unidades de ensino – uma em cada coordenadoria distrital de Manaus –, o Conquistar acontece semanalmente, todos os sábados, a partir das 8h30, com o objetivo de facilitar o acesso dos alunos do Ensino Médio ao Superior, por meio de aulas preparatórias. Diferentemente das aulas semanais, o curso possui um caráter dinâmico e apresenta aos estudantes, de forma didática, todos os ‘macetes’ para que eles consigam aprovação em uma universidade. A iniciativa segue até a realização do vestibular da UEA e do Enem.

As unidades de ensino que recebem o Conquistar são: Instituto de Educação do Amazonas (IEA), Ceti Gilberto Mestrinho, Ceti Áurea Pinheiro Braga, Ceti Elisa Bessa Freire, Eeti Marcantônio Villaça 2 (CMPM 2), Ceti João dos Santos Braga e Escola Estadual Senador Petrônio Portella.

Online

Além das aulas e transmissões ao vivo, por meio do Cemeam, o Conquistar disponibiliza o acesso a conteúdos midiáticos (dicas, apostilas, testes online e outros) em uma plataforma exclusiva: http://bit.ly/2KNyfYP. A iniciativa conta com mais de 10 mil alunos inscritos e cerca de 3.335 recursos disponíveis.

(*) Com informações da Seduc